quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

E e o Outro

Olá amigos, voltei após algum tempo ausente.

Hoje falar-vos-ei do "Outro" e do "Eu". Foi o tema que demos nas aulas de CP (Cidadania e Profissionalidade), um tema que à partida parecia ser fácil e na realidade, deparei-me que havia sido um tema que nunca havia sequer pensado, " A importância do outro no meu dia-a-dia".

Nossa identidade é moldada devido ao outro, esse outro, começa por ser nossa família, que nos ensina a andar, falar, a ser autónomos, mas as o outro que nos rodeia, como vizinhos, colegas, professores, também têm a sua quota-parte na criação de nossa identidade, assim como nós somos o EU, também somos o Outro de alguém, e da mesma forma participamos da melhor ou pior forma para o desenvolver social dessa pessoa.

Todos os dias lidamos com Outro diferente de nós, com outra nacionalidade, outra cor, outros gostos, outras culturas, e quantos de nós não tirou proveito disso? Saber um costume, uma palavra, saber algo novo assim como ensinar. Penso que muitos já ensinaram a um estrangeiro a dizer, "Olá", "Obrigada" e Adeus" pequenas palavras que nos persegue todos os dias, e assim também, querer aprender a dizer essas mesmas palavras em outras línguas. 

Posso então concluir que o Eu sem o Outro nada é. Por isso agir individualmente pensando num global é a prova de que o Eu e o Outro estão sempre de mãos juntas, seja no Bem ou no Mal.

Márcia Neves 

Sem comentários:

Enviar um comentário